MENU PRINCIPAL

terça-feira, novembro 22, 2005

PRODUÇÃO ACADÊMICA

PRODUÇÃO ACADÊMICA – TEOLITÉRIAS


Este espaço também visa promover a poesia produzida em nossa Faculdade. Uma forma de promover a poesia é tornando-a pública, coletiva. Um texto só se concretiza na leitura do outro. Não existe linguagem ensimesmada; não existe linguagem que esconda em si mesma seu ato de expressar. Acreditamos que a veiculação dos textos traduz o espírito de Orfeu, o espírito das ondas poéticas que transcendem espaços em busca de contato. Seguem alguns textos selecionados. Que nos deliciemos na dúvida da palavra e desafiemos nossa própria compreensão:
envie sua poesia para seleção ou comentários no endereço elet.: romulo@unescnet.br


WESLLEN MAKEL
*Acadêmico do 2º período DE LETRAS e pesquisador efetivo do grupo TEOLITERIAS


CARCERAGEM

O perdão cego do mudo
Alegria do surdo
Palavras vendidas em troca
Do suor do inocente
A mente atraída
Pelo branco dos dentes

Vejo pernas tortas dos que olham para cima
Cantei para surdos
Cantei!
Cantei!
O olhar sem graça
Pele quente da fumaça
Surdos festejam na praça

Estou perto do abismo
Más tenho asas

O livre arbítrio que me prende
Corta meus pulsos
Alvedrio.

CRÍTICA LITERÁRIA
PONTOS RELEVANTES: uso coeso dos símiles; produção de imagens representativas; ironia; paradoxos exegéticos; libertação dos referenciais; crítico.


TRANSLAÇÃO

O vento sopra lento
Lentamente pessoas caminham
Caminho lento diante da caminhada

Noite escura
Fogo sem brasa

Passos passados que passam sobre passos
Passos futuros que tropeçam no passado
Solo marcado por passos pesados

Pessoas curvas, flutuam sobre os passos

O futuro ausente
Dos passos presentes
Do passado que somos

CRÍTICA LITERÁRIA
PONTOS RELEVANTES: Trocadilhos; encadeamentos sonoros por reiteração; melopéia desenvolvida; aliterações e assonâncias bem constituídas; entrecruzamento da escala tempo com o ser; predisposição poética a libertar o signo dos referenciais e abrir lacunas;


MESSIAS PEREIRA
*Acadêmico do 4º período DE LETRAS, pesquisador, cronista e poeta.


OLHOS

A visão do cego
Embassada, acelerada
Pulsa descompassada
Visão sentida
Ferida, abalada

O escuro tornou-se
Mais sombrio
Negro músculo
Da visão sentida
Não via, não ria
Ficou fria

Os olhos há muito
Morrido havia
A visão sentida
Também se ia

CRÍTICA LITERÁRIA
PONTOS RELEVANTES: Ótima impressão rítmica; enumerações em bom compasso; jogo sinestésicos; caráter minimalista na composição do mural semiológico; valorização do termo; polissemia; boa escala representativa;


SIMONE MATIA DA SILVA
*Acadêmica do 2º período DE LETRAS e pesquisadora efetiva do grupo TEOLITERIAS


Ao cego, resta
Contar com as visões
Que ainda tinha

Busco resposta no infinito
E me defronto com a menina dos teus olhos
E ouço! Ouço vagarosamente tudo
Tudo nado a nada

Com o galopar estridente da alma, insólita
E vejo e sinto!
A cólera desvanecida
Que finda, a ida, partida
De uma busca inalcançável

CRÍTICA LITERÁRIA
PONTOS RELEVANTES: Maravilhoso grau de polissemia; Boas caracterizações das dimensões espaciais e temporais; diálogo com tridimensional; boas noções de movimento; coesão semiótica (signos que se coadunam por modulações sêmicas). Boa enumeração rítmica;


JANETE CLAIR ANTUNES FERREIRA
*Acadêmica do 2º período de LETRAS e pesquisadora efetiva do grupo TEOLITERIAS

Conhecer o inferno ao tocar o Céu
E flutuar na Terra ao andar no mar
Ver o verde “amante”, sonhar, nada pensar
É morrer e viver ao léu

Chorar a mais próxima distância
Num futuro incerto de presente
Na verdade de uma mentira estranha
Talvez certo... ausente...

Ouvir, no silêncio de um abraço as lágrimas do coração
E vidas cruzadas, nem dor nem distância, emoção.
Sentir renascer do nada o tudo,
Recomeço, belas palavras num olhar eterno e mudo.


CRÍTICA LITERÁRIA
PONTOS RELEVANTES: Fulgurante função poética: cruzamento perfeito do “belo” enunciativo com doses polissêmicas; elegia em tom delirante; subjetividade;


POETA CONVIDADO

ANTÔNIO DE BARROS
*professor de Literatura, especialista em Língua Portuguesa e poeta da
nossa região.


À PROCURA DE ROSA

Quando eu penso
Não sinto Rosa em mim
Nas desventuras sentimentais
Rosa mora num labirinto

Nas aventuras sentimentais
Sinto o amor vindo de Rosa
Quando eu sinto
Rosa dentro de mim

Quando penso não sinto
Quando sinto não penso
Labirinto e Rosa.

Penso voando
Sinto vivendo
Rosa, vai embora.

COLINAS

O olhar quente daquela Rosa
Queima mistério e dói
Em seu exterior escuro
Há colinas, campina e rio.

Tesouro sem dono?
E no seu interior
Há a força da metamorfose
Um paraíso por todos.

Um néctar doce
Que a natureza criou
Que domina o destino

Amanheceu o dia na colina
Sentimento e pensamento
Colinas, campina e rio

songs of: silence, .

3 comentários:

Vânia disse...

Puts!!! Q decepção teacher!!! Não postou minhas poesias...bahhh

Já sei, elas não mereçem neh!

~

joemartinez2498 disse...

Make no mistake: Our mission at Tip Top Equities is to sift through the thousands of underperforming companies out there to find the golden needle in the haystack. A stock worthy of your investment. A stock with the potential for big returns. More often than not, the stocks we profile show a significant increase in stock price, sometimes in days, not months or years. We have come across what we feel is one of those rare deals that the public has not heard about yet. Read on to find out more.

Nano Superlattice Technology Inc. (OTCBB Symbol: NSLT) is a nanotechnology company engaged in the coating of tools and components with nano structured PVD coatings for high-tech industries.

Nano utilizes Arc Bond Sputtering and Superlattice technology to apply multi-layers of super-hard elemental coatings on an array of precision products to achieve a variety of physical properties. The application of the coating on industrial products is designed to change their physical properties, improving a product's durability, resistance, chemical and physical characteristics as well as performance. Nano's super-hard alloy coating materials were especially developed for printed circuit board drills in response to special market requirements

The cutting of circuit boards causes severe wear on the cutting edge of drills and routers. With the increased miniaturization of personal electronics devices the dimensions of holes and cut aways are currently less than 0.2 mm. Nano coats tools with an ultra thin coating (only a few nanometers in thickness) of nitrides which can have a hardness of up to half that of diamond. This has proven to increase tool life by almost ten times. Nano plans to continue research and development into these techniques due to the vast application range for this type of nanotechnology

We believe that Nano is a company on the move. With today�s steady move towards miniaturization we feel that Nano is a company with the right product at the right time. It is our opinion that an investment in Nano will produce great returns for our readers.

Online Stock trading, in the New York Stock Exchange, and Toronto Stock Exchange, or any other stock market requires many hours of stock research. Always consult a stock broker for stock prices of penny stocks, and always seek proper free stock advice, as well as read a stock chart. This is not encouragement to buy stock, but merely a possible hot stock pick. Get a live stock market quote, before making a stock investment or participating in the stock market game or buying or selling a stock option.

joedean7401 disse...

I read over your blog, and i found it inquisitive, you may find My Blog interesting. My blog is just about my day to day life, as a park ranger. So please Click Here To Read My Blog