MENU PRINCIPAL

terça-feira, novembro 06, 2007

ATIVIDADES DO MÊS DE OUTUBRO

O mês de outubro possibilitou uma série de oportunidades de expandir a idéia da semiótica e da literatura no cenário científico / cultural da região; Eventos, seminários e outras atividades oportunizaram a discussão e o debate sobre literatura e semiótica, sempre na confluência dos estudos sobre a linguagem. Eis as atividades:



PARTICIPAÇÃO NO XII SELL - SEMINÁRIO DE ESTUDOS LINGÜÍSTICOS E LITERÁRIOS - VILHENA, RO. 04 e 05 de outubro, 2007.



Este evento contou com a participação de pesquisadores, estudantes e professores de todo o estado de Rondônia; Teve como estrelas o professor livre-docente Aguinaldo José Gonçalves, Dr. Celso Ferrarezi Jr e o poeta André Carneiro; Eu participei com um mini-curso de 8 horas, cujo título foi: "Semiótica Literária: técnicas de leitura poética - Ms. Rômulo Giacome Fernandes"; Esta é a terceira oportunidade de apresentar o encaminhamento das pesquisas do TEOLITERIAS no plano da semiótica e literatura: o primeiro mini-curso foi realizado em 2002, em Porto Velho, na ocasião do CEREU; Em 2003 tive a oportunidade de ministrar mais um mini-curso sobre semiótica literária na UNESC; e agora, em Vilhena, neste conceituado evento; Lá, pude ampliar as definições sígnicas e explorar mais a relação da semiose para a eternidade do texto literário, bem como a noção de sistema indicial dentro da dominante poética;



Visão Geral da Sala: 35 alunos inscritos

Visão do Quadro da sala de sula







Perspectiva do teacher; (Eu)








Aproveitando, fotos com os amigos: meu orientador do mestrado, Dr. Aguinaldo José Gonçalves (camisa branca)) e meu professor e mestre, Eduardo Martins de Barros;






Eu e o professor Celso Ferrarezi e o professor e músico Rubens vaz, o Binho da cidade de Porto Velho, que lançou seu mais novo CD "Isca Arisca";


PARTICIPAÇÃO NA V JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - UNESC 22 a 29 de outubro, 2007.


A UNESC realiza todo ano um dos maiores eventos de propagação e veiculação de pesquisa do estado, onde participam pesquisadores de várias instituições e cidades da região;


O grupo TEOLITERIAS apresentou o andamento de suas atividades de pesquisa expondo sua linha metodológica de atuação que já remonta quatro anos de atividades com semiótica aplicada a imagem, à literatura e a propaganda; A acadêmica Lilian Naitzel Siring, ex-pesquisadora do grupo e orientada por mim, apresentou sua pesquisa "Do ídolo ao Mito: a semiose da transcedência no caso Ayrton Senna" na sala temática de "Mídia e Linguagens"; esta pesquisa foi defendida em Banca no ano de 2004; a partir dela, a semiótica foi tomando forma na instituição, crescendo e dando espaço a outras pesquisas, como o caso da Acadêmica Andress Avilla Mendonça, que apresentou seu trabalho "Relaçoes entre texto e imagem: Cândido portinati e Os sertões de Euclides da Cunha"na mesma sala temática; Esta pesquisa foi defendida em 2005 e obteve nota máxima; Neste ano de 2005 outros trabalhos obtiveram muito êxito, como o caso da pesquisa da acadêmica Leandra Turrini "O fetiche como elemento semiotizante nos layouts de lingerie"; Em 2006, a semiótica visual e entre-textos foi novamente aplicada no cânone barroco, relacionando às imagens de Aleijadinho e poemas de Gregório de Matos. Esta pesquisa da acadêmica Elizabeth Cavalcante de Lima manteve o decurso de evolução da metodologia entre-textos, que aborda as relações entre visual e textual; defendido em 2006, este trabalho continuou provocando e insitando às possibilidades de relação entre pintura e literatura dentro de cânones propostos; Ainda em 2006, o grupo TEOLITERIAS teve sua evolução mais significativa no que concerne às práticas metodológicas da semiótica para com a produção literária; utilizando conceitos importantes da semiótica francesa, como o quadrado semiótico e as relações actanciais, bem como alicerces da semiótica visual na tripartição do representamen, a acadêmica Priscilla Gomes de Oliveira conseguiu importantes resultados na abordagem na obra Noites do Sertão de Guimarães Rosa; Com a pesquisa "A arquitetura narrativa do desejo: o signo sensual e o limite da sugestão", o método semiótico e suas aplicabilidades conseguiram todas as potencialidades necessárias diante do texto poético; com a conceituação e regulação de critérios eficientes, as técnicas e recursos de análise conseguiram resultados límpidos e válidos, alimentando o campo da pesquisa nas relações entre signo, sugestão e sensualidade; É bom frisar que este trabalho também obteve nota máxima; Por fim, com a pesquisa concluída e defendida com nota máxima, a acadêmica Geisy Emiliana Maurício apresenta o desfecho parcial destes quatro anos de pesquisa semiótica com o trabalho "Espaço e Fragmento na poética de murilo mendes: um recorte em guernica"; A pesquisadora do grupo TEOLITERIAS conseguiu aproximar as homologias técnicas-formais da linguagem empregada em dois sistemas comunicativos diferentes (visual e verbal) usando como ponto de apoio a intersecção de um motivo artístico: a guernica; fazendo amplo uso da teoria entre-textos (Aguinaldo José Gonçalves) e construindo uma teia de análises a partir das teorias semióticas (americanas e russas) sua pesquisa atua efetivamente no campo do código formal, preconizando as estratégias homológicas do trabalho; Bem, no exposto, percebemos a importância de manter uma linha de atuação que seja coerente com os propósitos e objetivos do grupo de pesquisa e sua linha e, nestes quatros anos de atuação, ampliamos bibliografias, recursos metodológicos e perspectivas de abordagem;


PÓS-GRADUAÇÃO


Este mês de outubro possibilitou-me atuar em duas disciplinas na pós-graduação; Localizada no município de Ouro Preto, a UNIOURO possui várias turmas de pós-graduação espalhadas pela região; lecionei na turma de Psicopedagogia Analítica e Institucional com duas disciplinas de grande importância curricular e prática. São elas:


Prática de intervenção psicopedagógica: avaliação (nos dias 06 e 07 de outubro)


Prática de intervenção psicopedagógica: pesquisa (nos dias 20 e 21 de outubro)


A turma é maravilhosa e permite uma troca de informações fantástica; são todos alunos com grande experiência docente e prática, incluindo formação em outras pós-graduações; aprendi muito e consegui dialogar sobre temas relevantes com grande produtividade;


(foto do dia 21 de Outubro; eu e a turma de Ouro Preto citada acima)


Nenhum comentário: