MENU PRINCIPAL

quarta-feira, agosto 31, 2011

TÓPICO GRAMATICAL 14ª EDIÇÃO - CONCORDÂNCIA VERBAL: PERCENTAGEM E FRAÇÕES

By Elisandro Félix de Lima

COMO DEVE SER FEITA A CONCORDÂNCIA VERBAL, QUANDO HÁ NA ORAÇÃO PERCENTAGEM E FRAÇÕES?


Mais uma vez, venho publicar uma nota sobre a concordância verbal. São muitas as pessoas que têm procurado minha ajuda para revisão de Trabalho de Conclusão de Curso e, a maioria delas afirmam que se sentem inseguras sobre sua escrita em relação a pontuação e principalmente no que diz respeito a concordância verbal. De certo modo, não vou dizer que seja fácil compreender todas as regras da língua portuguesa, nem mesmo as mais de quinze regras para a concordância verbal. Além de, é claro, onde, há regras em que o verbo pode ou não concordar em número com o sujeito da oração. É o caso de percentagem e frações.

PERCENTAGEM

Pode se fazer a dupla concordância. Havendo um complemento, a tendência é concordar com ele.

Exemplos:
a) 20% resolverá o nosso problema.
b) 20 % resolverão o nosso problema.
c) 10% do alunado faltou à aula.
d) 10% dos alunos faltaram à aula.

FRAÇÕES

Pode se fazer a concordância com o numerador ou com o complemento.

Exemplos:
a) 1/4 do material chegou com atraso.
b) 1/3 das pessoas se dizem felizes.
c) 2/5 devem ser dissolvidos em àgua mineral.
d) 1/3 do livro é bobagem pura.

REFERÊNCIAS

PIMENTEL, Carlos. Português descomplicado. 5. ed. São Paulo: Saraiva, 2004.
SACCONI, Luiz Antônio. Nossa Gramática Contemporânea: teoria e prática. São Paulo: Escala, 2009.

Elisandro Félix de Lima é graduado em Letras e especialista em Gramática Normativa da Língua Portuguesa pela UNESC - Faculdades Integradas de Cacoal.

Nenhum comentário: