segunda-feira, fevereiro 22, 2010

LETRAS: HABILIDADES E COMPETÊNCIAS

O PROFISSIONAL DA ÁREA DE LETRAS E SEU PERFIL
by Rômulo Giacome

"Texto dedicado aos alunos do 1º período de Letras, que nesta caminhada rumo à profissionalização, ficarão encantados com o poder e a beleza de lecionar, bem como a transformação que a leitura e a escrita promovem silenciosamente em nosso ser. Abraços"

Qual o perfil do profissional de Letras? Qual profissional de Letras a sociedade quer? Qual nossa importância técnica, funcional e social?

Discutir as habilidades e competência do curso de Letras é antes de tudo discutir sua essência acadêmica e funcionalidade. Essencialmente Letras é um curso para formação docente. Ou seja, formar professores. Qual a importância disso?

Em primeiro lugar,
ensinar alguém é um ato extremamente técnico e humano, onde nesta simultaneidade surge a cumplicidade, interesse mútuo e interação. É impossível um professer que se destaque não ter conseguido interação com a turma, proximidade e legitimidade para ensinar seus conhecimentos. Muitos optam pela autoridade, deixando nítido que o respeito deve vir pela força. Outros, mais sábios, preferem o caminho da igualdade, onde o verdadeiro respeito se dá pelo conhecimento verdadeiro e não pela autoridade.
Em segundo lugar quando se aprende algo para ensinar se aprende mais e melhor. Quando ensinamos algo à alguém é porque conseguimos dominar aquele conhecimento profundamente. logo, quando o objetivo é o ensino, absorvemos mais e melhor as informações, transformando-as em algo cognitivo para nós e nossos alunos.
Assim, podemos antever que um profissional de Letras adquire, no curso, vetores de habilidades inerentes á sua profissão, tais como: relações humanas, inter-comunicação, expressão, técnicas de comunicação, gestão humana, comunicação oral e escrita, bem como domínio da língua em sua forma culta e flexível, articulando a fala e a escrita de modo mais científico e detalhado.

É bom sustentar o pressuposto de que habilidades estão concentradas no plano técnico, procedimental, enquanto que competência é processual e ampla.
É inegável que o profissional de Letras é capacitado para a realidade do agora. Este ser que necessita trabalhar em grupo, gerir pessoas (sala de aula), construir uma comunicação a partir de técnicas eficiente e eficazes. Qualquer campo profissional prioriza estas habilidades letradas, valorizadas por este curso brilhante e histórico.
Logo, o perfil do profissional de Letras é mais humanizado, adequado à qualquer situação relacional.
Assim, adjacente à formação importantíssima de lecionar, da formação docente, existe um amplo aspecto de habilidades (citadas acima) que constróem não somente um professor, mas um profissional completo, dotado de requisitos para atuar em outros campos.

Por outro lado, aprender algo para ensinar é um combustível valioso, que se traduz em maior assimilação dos conteúdos específicos. Mais do que a habilidade de conhecer as normas da língua portuguesa culta (habilidade caríssima nos dias de hoje), existe também a competência linguística e discursiva de compreender os mecanismos da língua para ensinar.
Esta competência é a essencial fusão entre a prática do ensino e suas necessidades didáticas com o aprofundamento do conteúdo que o curso de Letras oferece.
Muitas habilidades podem ser adquiridas com cursos rápidos, como técnicas de expressão, revisão textual; mas sua eficácia só será determinada pela prática e aprofundamento, elementos obtidos via de um curso de Letras que valorize a leitura e a pesquisa como fontes primordiais de conhecimento pleno e puro. Logo, além das habilidades localizadas e específicas, o profissional de Letras sairá do curso com a competência ampla de dominar a língua e suas linguagens.
Um outro elemento ligado à competência e habilidade do curso de Letras consiste na prática de leitura e escrita. Uma mudança vagarosa e sutil ocorre em todo acadêmico de Letras que consegue transpor a barreira que impede a leitura e inicia esta atividade. A leitura transforma em grau profundo, não só nas habilidades de decodificação (passagem dos olhos pelo texto e melhor assimilação das construções frasais, oracionais, etc) mas também pela habilidade de interpretação e compreensão de textos simples e complexos. Além destas habilidades, a leitura promove a valiosa competência intelectual, ou seja, o interesse e curiosidade pela informação, seu processamento e cognição. Ou seja, a competência de aprender a aprender, que impulsiona qualquer profissonal para a vitória.

Nestas breves linhas, trocando em miúdos, a capacitação que o curso de Letras oferece é específica, intensa e técnica, quando falamos em habilidades, mas também é integral, formacional, chamada de competências.
Aquele que tem interesse em vencer neste mundo cada vez mais relacional, complexo, lotado de informações textuais, seja pela linguagem, seja pela língua materna, este indivíduo só terá um arrependimento, não ter sentado no banco acadêmico do curso de letras e ter explorado tudo que ele proporciona.

Abaixo segue informativo sobre o curso.


O curso
O curso de Letras da Unesc é articulado para construir profissionais que dominem a teoria e a prática docente para o exercício do magistério nas disciplinas de Língua Portuguesa, Língua Inglesa e respectivas literaturas. Para isso, sua matriz curricular apresenta disciplinas práticas e metodológicas, que fornecem laboratórios, oficinas produção, análise, confecção e crítica para o uso constante e regular da língua e linguagens efetivadas na realidade imediata, tornando o profissional de Letras um especialista prático e teórico da comunicação em suas variáveis.

Letras ainda proporciona disciplinas teóricas para o domínio dos conceitos, operadores e princípios que regem a Língua e linguagem em suas particularidades dentro dos vários tipos de comunicação.
Para a aproximação da teoria com a prática, o curso de Letras possui um estágio supervisionado especial, com acompanhamento e convênio com as melhores escolas e instituições para atender aos requisitos da experiência docente necessária ao futuro profissional.

O Profissional
O curso tem como finalidade formar profissionais com competências e habilidades para o exercício da atividade de professor em Língua Portuguesa e de Língua Inglesa, no ensino fundamental, médio e superior, bem como para lidar com as diversas linguagens nos campos: empresarial, comercial, vendas, do direito, da publicidade, do marketing, do jornalismo, além de ser intérprete internacional, revisor textual e redator.
Assim, ao final do curso, o aluno terá domínio teórico e prático dos componentes da língua e da linguagem, podendo aplicar estes conhecimentos em várias áreas da comunicação, tais quais: empresarial, marketing, jurídica, artística, bem como na prática educacional, reconhecendo e utilizando as metodologias didáticas do ensino de língua portuguesa, literaturas e língua Inglesa.

MATERIAL BASE PARA AS AULAS DE TEORIA LITERÁRIA

LINKS

Pilares da Teoria Literária

Pontuando Acízelo

Base Linguística da Literatura

O ato criador Verbal

Estética Literária e Subjetividade

4 comentários:

joice disse...

Olá professor...
Adorei seu comentário, no blog do Profº Willian sobre o "Sertanejo"!!

Seu significado em sí.. da forma em que o RENOMADO Prof. colocou sua opnião!!!!

e com certeza absoluta!!

Cerveja e Churrasco!!


è bão tabém!!!

Joice Carvalho

( ex aluna, Marechal Cordeiro de farias)

Abraços

Prof. Romulo Giacome O Fernandes disse...

Joice
obrigado pelo comentário;
que bom tê-la aqui em meu blog;
sinta-se em casa e volte sempre;

Nidiane disse...

Oi Professor Rômulo!
Que boa ideia nos relembrar nossas competências e habilidades como profissionais de Letras..

Prof. Romulo Giacome O Fernandes disse...

Oi Nidiane; que prazer tê-la aqui também; apareça sempre; E viva o nosso curso de Letras!!